É dia de feira, quem quiser pode chegar!

Publicado: 28 de setembro de 2011 em Factual, Notícias
Tags:, , , ,

Lugares movimentados, coloridos, cheios de sons e de gente, geralmente iluminados pelo sol… Há de se conceber um dia na praia, ou uma caminhada à beira-mar, mas não, não nesse momento. Aqui se menciona as feiras livres da Ilha do Governador, locais que há anos movimentam a economia informal e que já faz parte da cultura insulana. E tem pra todos  os gostos e bolsos: do Jardim Guanabara até a Freguesia, da Colina até a Ribeira, passando pelo Garabu, o Cacuia e o Cocotá, elas estão em todos os lugares, em quase todos os dias da semana! E não há supermercados mais atraentes ou cômodos que façam seus habituais frequentadores abrirem mão! É simplesmente por conta desse argumento que o blog prepara um post exclusivo para esse fenômeno popular!

A Feira da Colina, na Portuguesa, tem seu ápice na sexta a noite, mas aos sábados dura o dia inteiro!

Em uma área totalmente inesperada, a Feira da Colina (próxima da Portuguesa) funciona em um estacionamento ás margens da Estrada do Galeão e agrada a todos: ao mesmo tempo que se é possível encontrar toda sorte de vestimenta, é lá que alguns moradores desfrutam da companhia de amigos, muito bem acompanhados de música ao vivo, da cervejinha gelada e petiscos, que vão do churrasco ao fondue. Ou seja, mais democrático é impossível! Dando prosseguimento ás visitas, a Feira da Praia da Bica é uma pedida para contemplar o mar e experimentar a famosa tapioca do local (além de muitas outras opções de comida nordestina). Mas nem tudo são flores: segundo frequentadores, o peixe servido nos quiosques não são os melhores da Ilha, mas vale pela distração.

Exatamente no meio do centro comercial, a Feira do Cacuia ocorre todos os domingos, bem cedo.

Das mais badaladas, a Feira da Ribeira é a mais celebrada de todos os sábados! Além da gastronomia típica do lugar (já mencionado anteriormente no blog), a variedade estimula e surpreende seus visitantes: é possível encontrar legumes e verduras bem frescos, com qualidade bem superior dos supermercados, por exemplo. E, claro, para completar, uns petiscos na orla são convidativos e garantia de ótimos momentos! Um pouco mais a frente, é possível encontrar algumas barracas do que, há alguns anos, chamava-se de Feira da Freguesia. Hoje, meia dúzia de camelôs compõe o que antes era um dos principais atrativos de toda Ilha do Governador. E nos áureos tempos, tudo era possível, desde que coubesse nas saudosas bolsas de lona!

E, ao final da tarde, a Feira do Cocotá, com opções para todos os gostos! Ótima pedida para o final de semana.

Para completar o passeio, uma breve olhada na Feira do Guarabu e mais uma parada na Feira do Cacuia – exatamente no centro do forte comércio popular! Ás 7hs de todos os domingos já é possível observar intenso movimento, e a orientação dos mais antigos é mesmo chegar cedo, já que ás 14hs quase não há mais feirantes no local, somente a xepa. Para completar, o final da tarde na Feira do Cocotá é uma excelente opção para recuperar as energias e iniciar mais uma semana de intenso movimento. Ás margens da Praia da Bandeira, o pôr do sol é mágico e revitalizante!

* Todas as fotos presentes no post são de autoria de Rafael Vieira, e foram modificadas através de programas de edição de imagem.

Anúncios
comentários
  1. Ricardo disse:

    Fantástico o seu jeito de partilhar conhecimento e informação. Parabéns você é o cara!!!!
    Abraços.

  2. Stéfani Gomes disse:

    Olá Gostaria de saber como eu posso fazer pra colocar uma barraquinha nesta feira !?
    Desde já agradeço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s